QUAL O VALOR DE UMA VIDA?

A Bíblia fala de alguém que se deu bastante de si mesmo e padeceu para cumprir a Sua missão para a expansão do evangelho, sofrendo muito mais do que podemos imaginar. E antes da Sua morte, expressou-se assim:
“Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus.” Atos 20:24

Esta expressão parece ser de alguém que não valoriza em nada a sua vida, ou então, de que ela tem muito valor, mas apenas quando cumpre o seu supremo propósito, o de servir a Deus.

O autor destas palavras é o apóstolo Paulo, homem que estava bem consciente da sua vocação e eleição. Quando falamos sobre a vida, consideramos ser um bem pessoal, e dizemos: “É a minha vida, e faço com ela o que eu quiser”, e “Ninguém tem nada a ver com o que faço com ela”, como querendo exibir alguma sabedoria com este tipo de afirmação, mas não é bem assim.

Vamos exibir algo que não nos pertence como donos, mas como mordomos. A vida não nos pertence. Foi-nos concedida por Deus para a desfrutarmos dela aqui, tendo como principal objetivo, conhecermos o Criador, termos comunhão com Ele, e através desse relacionamento, aprendermos Dele e obedecermos à Sua vontade.

E é Ele que nos concede e prepara para termos vida eterna. Quando entendemos isto, então vamos perceber que somos devedores a Quem nos deu a Vida.

As palavras de Paulo têm significado profundo. Paulo não menospreza a vida. Ele sabe que é preciosa, e tinha-a como tal, mas contanto que pudesse cumprir os dois principais propósitos: Correr com alegria a CARREIRA que tinha sido incumbida, e cumprir o MINISTÉRIO que tinha recebido. Se isso não se concretizasse, então para o apóstolo Paulo, a sua vida não tinha qualquer valor.

Todos os que tivemos oportunidade de ouvir o evangelho de Jesus Cristo e de nos rendido ao Seu amor, aceitando-o como nosso Senhor e Salvador, devemo-nos a Ele. A vida que vivemos agora em Cristo, já é uma vida com abundância de sentido e de propósito. E é dado aos filhos de Deus darem de graça do que receberam pela graça.

Paulo estava disposto a abdicar de tudo para se dedicar ao que ele considerava não ser o melhor, mas o mais excelente. São palavras bastante refletidas, porque o quer fazer, quer fazê-lo com alegria, cumprir com satisfação este dever, esta obrigação, que não é uma carga, mas um prazer.

O prazer de ser e de se sentir útil na sua cooperação com Deus e na Sua Obra.
A nossa vida precisa de ser valorizada. Precisa de encontrar significado refletido na vida daqueles que nos cercam. Este pensamento é contrário ao pensamento humano que é egocêntrico.

Um seguidor de Cristo recebe uma visão completamente diferente nos seus relacionamentos, tanto para com Deus, como para com os seus semelhantes. A cruz ainda é o símbolo que permanece para nos lembrar destes dois sentidos, tanto o vertical como o horizontal. Sem a cruz não há relacionamento com Deus. Como podemos dizer a Deus que o amamos, se não o vemos, se não amarmos o nosso próximo com quem convivemos?

Quando dizemos que estamos em Cristo, é sinal que trocámos a nossa vida velha pela vida de Jesus. Essa é uma vida “de fé” e “em fé”. E isso significa que já não vivemos para nós mesmos, mas para Aquele que morreu por nós morreu e ressuscitou.

Ainda encontramos Paulo pronunciando as seguintes palavras: “Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou e se entregou a si mesmo por mim.” Gálatas 2:20

Será que estamos mesmo empenhados em viver para Deus?
“Porque o amor de Cristo nos constrange, julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo, todos morreram. E Ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.” 2 Coríntios 5:14,15

“Conhecemos a caridade nisto: que Ele deu a sua vida por nós, e nós devemos dar a vida pelos irmãos.” 1 João 3:16

Paulo acreditava que Deus tinha uma vontade, um plano específico e um propósito especial para a sua vida. Creio que o mesmo se passa com cada um daqueles que pertence a Cristo Jesus. As suas palavras são bastante claras no evangelho de João.
“Não me escolhestes vós a Mim, mas Eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça, a fim de que tudo quanto em Meu Nome pedirdes ao Pai, Ele vo-lo conceda.” João 15:16

A nossa vida só tem o seu verdadeiro valor quando é dada em favor de outros. Um homem centrado em si mesmo, vivendo para si mesmo e para o que é propriamente seu, jamais encontrará plena satisfação.  

Jesus disse, “Por isso, vos digo: não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo, mais do que a vestimenta?” Mateus 6:25

Existem bens necessários e essenciais ao homem, e devem ser ganhos honestamente e como fruto do seu trabalho, mas espiritualmente, até isso pode constituir um embaraço para muitos, vivendo apenas para isso. Alguém disse que há gente tão pobre, que apenas o que tem, é dinheiro. Só que o dinheiro foi feito para ser um nosso “servo” e não o nosso “senhor”. Quando o amor ao dinheiro toma o coração do homem, priva-o da liberdade, torna-o um escravo.

Ainda está em vigor o propósito de Deus para buscarmos o Seu Reino e a Sua Justiça, porque a Sua Promessa é que todas estas coisas essenciais nos serão concedidas. E certamente que Deus nos dará com maior abundância quando o nosso desejo é abençoar outros, partilhando o nosso pão físico e pão espiritual. Que Deus nos ajude a encontrar esta mesma motivação e entusiasmo que havia no coração de Paulo!

J.F.

Posted in
Tagged with , , , , ,

No Comments


Recent

Categories

Archive

 2020

Tags

APRESENTAR BLOG Bíblia COVID-19 Deus Israel Jerusalem Miguel Diez SACRIFICIO aflição aliança evangelica alma amizade amor de Deus amor ansiedade anunciar aperfeiçoar apoio social armadura de Deus atitudes atleta barro bem biblia boas novas boas perspectivas caminho campanhas cansados compromisso comunidade confiança confiar conhecer consolo convivio coração coronavirus corpo do messias crer crianças órfãs crise cristo cristãos cruz cuerpo de cristo cuidar cura decisão descanso destino deus cuida de nós direção discípulo divino doença enfermidade escolha espirito santo eternidade eutanásia evangelho fariseus feliz fe filho de Deus fortaleza higiene homem de dores homem hora humano iccm sintra iccm idolos igreja inauguração iccm sintra indiferença iniquidade interceder inverno jesus jovens cristãos jovens iccm loucura poder de Deus luis santos mais que vencedores mal marcha por jesus medo mensagem mente mestre missões morte moçambique natal nomes Deus noticias nova vida novo ano não obediencia oleiro oração pac palavra pascoa pastores iccm pecado perfeitos pergunta perseguição poder portugal para jesus pregar prevenção covid19 procurar promessas prudente que será quem sou reflexão refugio rejeição remarportugal remar ressurreição retiro esther reunião ministerial sabedoria saber viver salvação sarado sedento sefarad israel semana santa servir sim sobreviventes socorro sofrimento stream tempestades tristeza valor vencedores venho avisar verdade verão vida vigilia youth for christ